O faturamento da Black Friday 2018 poderá chegar a R$2,43bi

138 BLOG - O faturamento da Black Friday 2018 poderá chegar a R$2,43bi

O faturamento da Black Friday 2018 poderá chegar a R$2,43bi

A Black Friday abre um período repleto de intenções de compra, que se junta com 13º salário, Cyber Monday (segunda-feira após a Black Friday), Natal, Ano Novo, Férias e Saldão (promoção que acontece em qualquer época do ano, quando as lojas precisam trocar suas coleções). Portanto, para melhor aproveitar esse período, o lojista precisa enxergar essas datas como ações e não eventos isolados que começam e terminam no mesmo dia.

O consumo, aqui, é focado no “eu mereço”, onde o cliente quer aproveitar as boas ofertas para comprar itens para si ou para a casa (produtos de alto valor). Justamente por isso, o consumidor pesquisa (e muito!), para garantir o melhor preço.

O que esperar para a Black Friday 2018

De acordo com a Ebit, estima-se que a Black Friday impacte 84% dos consumidores: avaliam que 60 milhões de brasileiros realizarão suas compras online, o que pode gerar um faturamento de R$2,43 bilhões, tendo uma alta de 15% em relação a 2017. O número de pedidos deve aumentar 6,4%, indo de 3,76 milhões (de 2017) para 4 milhões. O tíquete médio deverá subir 8%, chegando em R$ 607,50. Por fim, a pesquisa ainda aposta que 88,6% dos consumidores online têm intenção de aproveitar a data (comparado ao ano passado, haverá uma alta de 8%).

Segundo a pesquisa de intenção de compra realizada pela Social Miner, em parceria com a MindMiners, 60,2% dos entrevistados pretendem comprar na Black Friday esse ano e 31% ainda não sabe. Mais uma vez, os eletrônicos devem sobressair: 54,5% dos entrevistados pretendem aproveitar as ofertas desse setor – informática (41,9%), eletrodomésticos (40,9%) e moda (40,9%) também estão sendo bastante procurados.

Outro fator interessante é quanto às pesquisas de ofertas: 50,2% já estão acompanhando; 14,6% começam a acompanhar 1 mês antes da data; 14% dos entrevistados pesquisam 15 dias antes; 10,53% pesquisam uma semana antes; 3,3% pesquisam 1 dia antes; e 7,3% pesquisam no dia. Isso significa que você deve começar as divulgações com antecedência e se preparar para encarar consumidores que já possuem conhecimento prévio do mercado. Utilize esses meses anteriores que os consumidores usam para pesquisar para analisar os sinais de intenção deles – colete as informações geradas e crie estratégias para prender o interesse do público.

Até ano passado, a Black Friday foi um sucesso para o e-commerce e as expectativas para esse ano não são diferentes. O mercado segue aquecido, mesmo com o cenário econômico não estando dos melhores. Justamente por isso, datas como essas, que garantem descontos, tendem a atrair mais a atenção do público.

No Brasil, metade das pessoas que estão conectadas são consumidores online e muitas delas veem nessa ação uma oportunidade única, que deve ser bem aproveitada e precisa de planejamento para isso. Portanto, aproveite todos os sinais possíveis para se destacar, potencializar suas vendas e conquistar os clientes.

Boas vendas!

Comentários